Covid-19: Secretaria será polo de testagem para profissionais da Educação

A Secretaria Municipal de Educação, Ciência e Tecnologia (Seduct) será polo de testagem para Covid-19. O serviço será voltado aos profissionais das redes municipal, estadual e particular de ensino e estará disponível em algumas semanas, em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde. A medida é uma iniciativa do Programa Saúde na Escola (PSE) e visa conter o contágio da doença na cidade. Além disso, integra o Plano Municipal de Ensino Híbrido Seguro que também dispõe do sistema de retrovigilância nas unidades escolares municipais.

O subsecretário de Atenção Básica, Vigilância e Promoção da Saúde, Charbell Kury, falou sobre o assunto:

“Continuamos oferecendo a vacina contra Covid aos professores e demais profissionais da Educação na própria sede da Secretaria de Educação, mas, para que a gente possa garantir a escola segura do vírus, é necessário fortalecer a testagem, que é feita mediante uma perspectiva de presença de sinais e sintomas. Ou seja, havendo pessoas com sintomas clínicos suspeitos da doença – seja trabalhador da educação ou o aluno – serão avaliadas pela escola e encaminhadas para a unidade de testagem na Seduct. Em caso de teste positivo, será iniciado o protocolo tracing contacts, fazendo a busca ativa na unidade de ensino, a fim de avaliar quantos casos dentro da turma tiveram positividade. Assim, faremos o isolamento desta sala por dez dias. É muito importante que a Vigilância esteja ativa evitando a propagação do vírus na escola”, explicou Charbell.

O secretário de Educação, Marcelo Feres, destacou que o Manual Operacional do Ensino Híbrido, elaborado por uma Comissão Especial com protocolo de medidas de proteção, prevenção e controle da Covid-19, também integra o Plano. Ele serve de referência para as condutas seguras e preventivas no cumprimento das medidas sanitárias conforme previsto em legislação sobre a pandemia por Covid-19. O documento pode ser acessado AQUI

“O manual traz informações bastante importantes, como orientações quanto à identificação e monitoramentos dos sintomas; identificação de caso suspeito detectado em aluno ou profissional no estabelecimento de ensino e acerca dos familiares de alunos com casos suspeitos, sobre situações de alerta e ações para suspensão temporária das aulas presenciais, dentre outros assuntos. Quase 100% dos servidores da Educação tomaram a vacina contra Covid, que foi disponibilizada para todos os nossos profissionais”, lembrou Marcelo.

A coordenadora do Programa Saúde na Escola (PSE), Catia Mello, acrescentou que o sistema de retrovigilância consiste no acompanhamento de casos suspeitos de Covid dentro da escola. “Por meio de atuação da equipe de enfermagem sentinela do PSE, estamos fazendo o monitoramento junto aos gestores. Em caso de surgimento de sintomas do aluno ou do profissional da unidade escolar, referenciamos para a unidade de saúde mais próxima da escola. Quanto à testagem na Educação, teremos um espaço reservado que será utilizado para este fim. Está sendo construído também um fluxograma sobre o procedimento a ser adotado para a testagem na Secretaria”, detalhou Cátia.

Fonte: Ascom – Kamilla Uhl
Foto: Wellington Rangel

Share

Foram 17 Leis aprovadas: • 1- Lei nº 8.750, de 11 de maio de 2017, que dispõe sobre a obrigatoriedade de ser franqueado ao consumidor o acesso à cozinha e outras dependências de restaurantes, hotéis e similares no Município de Campos dos Goytacazes. • 2 – Lei nº 8.760, de 29 de junho de 2017, que dispõe sobre a obrigatoriedade de hotéis e estabelecimentos similares oferecerem desjejum apropriado a diabéticos e celíacos no Município de Campos dos Goytacazes. • 3 – Lei nº 8.775, de 20 de outubro de 2017, que estabelece uma política de Combate à Corrupção e a impunidade de agentes públicos no âmbito Municipal e cria o Dia Municipal de Combate à Corrupção. • 4 – Lei nº 8.788, de 30 de outubro de 2017, que Institui no Calendário de Eventos de Campos dos Goytacazes, a Semana de Conscientização Sobre a Alergia Alimentar, realizada anualmente, na terceira semana do mês de Maio. • 5 – Lei nº 8.806, de 21 de dezembro de 2017, que dispõe sobre a proibição do uso, no Município de Campos de produtos, materiais ou artefatos que contenham quaisquer tipo de amianto ou outros minerais que, acidentalmente, tenham fibras na sua composição. • 6 – Lei nº 8.808, de 21 de dezembro de 2017, que dispõe sobre a Política de Valorização à Vida e cria a Semana de Prevenção ao Suicídio. • 7 – Lei nº 8.835, de 22 de maio de 2018, que dispõe sobre atendimento prioritário para pessoas que realizam tratamento de quimioterapia, radioterapia, hemodiálise ou utilizem bolsa de colostomia, no Município de Campos dos Goytacazes. • 8 – Lei nº 8.838, de 23 de maio de 2018, que dispõe sobre a utilização de mensagens educativas informando o uso indevido de álcool, entorpecentes e de cigarros em shows, eventos culturais, esportivos e similares que sejam voltados para o público infanto-juvenil. • 9 – Lei nº 8.856, de 24 de outubro de 2018, que cria a medalha de mérito evangélico. • 10 – Lei nº 8.864, de 22 de novembro de 2018, que dispõe sobre a obrigatoriedade da apresentação da caderneta de vacinação da criança e do adolescente no ato da matrícula e da rematrícula escolar no município de Campos dos Goytacazes • 11 – Lei nº 8.883, de 17 de dezembro de 2018, que proíbe informes de qualquer natureza em estacionamentos ou similares com dizeres que isentem estabelecimentos comerciais, supermercados, shoppings ou congêneres da responsabilidade por danos materiais e/ou objetos deixados no interior do veículo, no Município de Campos dos Goytacazes e dá outras providências. • 12 – Lei nº 8.904, de 09 de maio de 2019, que dispõe sobre a obrigatoriedade dos estabelecimentos comerciais e financeiros no âmbito do Município de Campos dos Goytacazes oferecer atendimento diferenciado para pessoas com deficiência auditiva e dá outras providências. • 13 – Lei nº 8.945, de 24 de outubro de 2019, que institui a Semana de Conscientização e Prevenção à Alienação Parental e dá outras providências. • 14 – Lei nº 8.980, de 09 de junho de 2020, que dispõe sobre a suspensão das parcelas do empréstimo consignado contraídas pelos servidores públicos municipais, ativos, inativos ou pensionistas, pelo prazo de 120 dias ou enquanto durar o estado de calamidade pública reconhecido pelo Decreto Municipal n 062/2020 decorrente do CORONAVÍRUS (COVID-19). • 15 - Lei n°0045, de 13 de julho, de 2020, que dispõe sobre providências para garantir e intensificar o fornecimento de água através de caminhão pipa às famílias, sem água tratada, bem como garantir e intensificar os serviços de limpeza de fossas durante o período em que durar a pandemia de Coronavírus (COVID-19). • 16 - Lei nº 0050/2020, de 11 de agosto de 2020, que institui o Programa e a Semana de Combate ao Racismo Institucional. • 17 - Lei nº 9.017/2020, de 02 de setembro de 2020, que institui no calendário de eventos de Campos dos Goytacazes, a Semana de Conscientização “Janeiro Branco”, que tem como objetivo discutir cuidados em relação a saúde mental.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.