Informe Epidemiológico: 1.104 pessoas testadas para Covid-19 em cerca de 20 dias

A edição número 13 do Informe Epidemiológico foi publicada nesta terça-feira (7) e faz análise da Covid-19 em Campos, de acordo com os dados registrados até o dia 10 (sexta-feira) quando foram notificados 7.822 casos suspeitos e confirmados da doença. Dentre eles, 7.039 foram casos de Síndrome Gripal e 783 casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave hospitalizados. Entre o total de casos notificados, 2.280 foram confirmados laboratorialmente.

Entre os dias 18 de junho e 10 de julho, 1.104 pessoas foram submetidas a testagem rápida a partir da parceria entre os Dados do Bem e a Secretaria Municipal de Saúde. Dentre eles, 131 (11,9%) apresentaram resultado reagente ao teste.

A taxa média de crescimento de novos casos da COVID-19 – razão entre o número de casos novos confirmados nos últimos sete dias dividido pelo número de casos novos confirmados nos sete dias anteriores- em junho foi de 1,02 (valor mínimo: 0,90 e valor máximo: 1,20) com o menor valor observado na última semana do mês; enquanto que no mês de maio, foi de 1,57 (valor mínimo: 1,00 e valor máximo: 1,90).

Entre os 2.280 casos confirmados da doença (SG mais SRAG) na cidade, 1.354 (59,0%) são homens; a maior parte dos casos (32,4%) está entre 30 e 39 anos, seguida por aqueles entre 40 e 49 anos (20,7%), independentemente do sexo.

A cidade permanece no nível três de risco (fase amarela). Apesar da redução na taxa média de crescimento da ocupação dos leitos clínicos e de UTI quando comparado ao mês de maio, observa-se que a taxa média de ocupação desses leitos na saúde pública ainda está acima de 70,0%. Nas próximas edições serão apresentados os resultados da avaliação sorológica que está sendo realizada em grupos com maior vulnerabilidade para a forma grave da doença, assim como para aqueles grupos sob maior risco de exposição.

Share

LEIS CLÁUDIO ANDRADE • 1 – Lei nº 8.750, de 11 de maio de 2017, que dispõe sobre a obrigatoriedade de ser franqueado ao consumidor o acesso à cozinha e outras dependências de restaurantes, hotéis e similares no Município de Campos dos Goytacazes. • 2 – Lei nº 8.760, de 29 de junho de 2017, que dispõe sobre a obrigatoriedade de hotéis e estabelecimentos similares oferecerem desjejum apropriado a diabéticos e celíacos no Município de Campos dos Goytacazes. • 3 – Lei nº 8.775, de 20 de outubro de 2017, que estabelece uma política de Combate à Corrupção e a impunidade de agentes públicos no âmbito Municipal e cria o Dia Municipal de Combate à Corrupção. • 4 – Lei nº 8.788, de 30 de outubro de 2017, que Institui no Calendário de Eventos de Campos dos Goytacazes, a Semana de Conscientização Sobre a Alergia Alimentar, realizada anualmente, na terceira semana do mês de Maio. • 5 – Lei nº 8.806, de 21 de dezembro de 2017, que dispõe sobre a proibição do uso, no Município de Campos de produtos, materiais ou artefatos que contenham quaisquer tipo de amianto ou outros minerais que, acidentalmente, tenham fibras na sua composição. • 6 – Lei nº 8.808, de 21 de dezembro de 2017, que dispõe sobre a Política de Valorização à Vida e cria a Semana de Prevenção ao Suicídio. • 7 – Lei nº 8.835, de 22 de maio de 2018, que dispõe sobre atendimento prioritário para pessoas que realizam tratamento de quimioterapia, radioterapia, hemodiálise ou utilizem bolsa de colostomia, no Município de Campos dos Goytacazes. • 8 – Lei nº 8.838, de 23 de maio de 2018, que dispõe sobre a utilização de mensagens educativas informando o uso indevido de álcool, entorpecentes e de cigarros em shows, eventos culturais, esportivos e similares que sejam voltados para o público infanto-juvenil. • 9 – Lei nº 8.856, de 24 de outubro de 2018, que cria a medalha de mérito evangélico. • 10 – Lei nº 8.864, de 22 de novembro de 2018, que dispõe sobre a obrigatoriedade da apresentação da caderneta de vacinação da criança e do adolescente no ato da matrícula e da rematrícula escolar no município de Campos dos Goytacazes • 11 – Lei nº 8.883, de 17 de dezembro de 2018, que proíbe informes de qualquer natureza em estacionamentos ou similares com dizeres que isentem estabelecimentos comerciais, supermercados, shoppings ou congêneres da responsabilidade por danos materiais e/ou objetos deixados no interior do veículo, no Município de Campos dos Goytacazes e dá outras providências. • 12 – Lei nº 8.904, de 09 de maio de 2019, que dispõe sobre a obrigatoriedade dos estabelecimentos comerciais e financeiros no âmbito do Município de Campos dos Goytacazes oferecer atendimento diferenciado para pessoas com deficiência auditiva e dá outras providências. • 13 – Lei nº 8.945, de 24 de outubro de 2019, que institui a Semana de Conscientização e Prevenção à Alienação Parental e dá outras providências.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.