Prefeitura de Campos confirma duas mortes por H1N1 no município

A Prefeitura de Campos confirmou, nesta terça-feira (28), duas mortes por H1N1 no município. Uma mulher de 27 anos e um menino de seis morreram com suspeita da doença. De acordo com a secretaria municipal de Saúde, 17 casos deste tipo de gripe foram notificados em 2019. A Vigilância em Saúde reforça a necessidade da vacinação contra o vírus Influenza. Nenhuma das duas vítimas havia sido imunizada.

Segundo a secretaria de Saúde, a mulher é residente de outro município. Já o menino tinha doença prévia e estava internado em um hospital particular.

Somente 52,22% da população recorreram aos pontos de vacinação contra a gripe Influenza no município. A uma semana do encerramento da Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe, Campos imunizou 62.275 pessoas até o último dia 23. Como a expectativa é imunizar mais de 126 mil pessoas até o dia 31 de maio, os números ainda estão abaixo do esperado no município.

Segundo a assessora chefe da Vigilância Epidemiológica, Roberta Lastorina, a vacinação é de extrema importância para a não evolução das formas graves e até mesmo morte pela gripe. “A procura ainda está baixa. Precisamos que as pessoas busquem as unidades de saúde para se vacinar”, alerta Lastorina.

O público-alvo da campanha inclui idosos, crianças na faixa etária de 6 meses até 5 anos, 11 meses e 29 dias, gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), os trabalhadores da saúde, os profissionais de escolas públicas e privadas, os povos indígenas, os grupos portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais, os adolescentes e jovens de 12 a 21 anos sob medidas socioeducativas, detentos e os funcionários do sistema prisional.

Para a imunização, é necessário levar o cartão de vacinação e documentos de identificação com foto (pessoal e funcional para profissionais da saúde e da força de segurança). Caso seja puérpera ou gestante, trazer cartão de gestante. A assessora chefe da Vigilância Epidemiológica destaca ainda que os familiares de pessoas acamadas devem acionar o serviço via telefone. Basta ligar para o número (22) 98175-2482 e faremos o agendamento para vacinar essas pessoas em suas casas.

Alguns cuidados também são necessários para prevenir a doença, como lavar sempre as mãos, principalmente, após tossir e espirrar; manter ambientes arejados; cobrir boca e nariz sempre que for tossir ou espirrar, entre outros cuidados.

Fonte: Jornal Terceira Via

Share

LEIS CLÁUDIO ANDRADE • 1 – Lei nº 8.750, de 11 de maio de 2017, que dispõe sobre a obrigatoriedade de ser franqueado ao consumidor o acesso à cozinha e outras dependências de restaurantes, hotéis e similares no Município de Campos dos Goytacazes. • 2 – Lei nº 8.760, de 29 de junho de 2017, que dispõe sobre a obrigatoriedade de hotéis e estabelecimentos similares oferecerem desjejum apropriado a diabéticos e celíacos no Município de Campos dos Goytacazes. • 3 – Lei nº 8.775, de 20 de outubro de 2017, que estabelece uma política de Combate à Corrupção e a impunidade de agentes públicos no âmbito Municipal e cria o Dia Municipal de Combate à Corrupção. • 4 – Lei nº 8.788, de 30 de outubro de 2017, que Institui no Calendário de Eventos de Campos dos Goytacazes, a Semana de Conscientização Sobre a Alergia Alimentar, realizada anualmente, na terceira semana do mês de Maio. • 5 – Lei nº 8.806, de 21 de dezembro de 2017, que dispõe sobre a proibição do uso, no Município de Campos de produtos, materiais ou artefatos que contenham quaisquer tipo de amianto ou outros minerais que, acidentalmente, tenham fibras na sua composição. • 6 – Lei nº 8.808, de 21 de dezembro de 2017, que dispõe sobre a Política de Valorização à Vida e cria a Semana de Prevenção ao Suicídio. • 7 – Lei nº 8.835, de 22 de maio de 2018, que dispõe sobre atendimento prioritário para pessoas que realizam tratamento de quimioterapia, radioterapia, hemodiálise ou utilizem bolsa de colostomia, no Município de Campos dos Goytacazes. • 8 – Lei nº 8.838, de 23 de maio de 2018, que dispõe sobre a utilização de mensagens educativas informando o uso indevido de álcool, entorpecentes e de cigarros em shows, eventos culturais, esportivos e similares que sejam voltados para o público infanto-juvenil. • 9 – Lei nº 8.856, de 24 de outubro de 2018, que cria a medalha de mérito evangélico. • 10 – Lei nº 8.864, de 22 de novembro de 2018, que dispõe sobre a obrigatoriedade da apresentação da caderneta de vacinação da criança e do adolescente no ato da matrícula e da rematrícula escolar no município de Campos dos Goytacazes • 11 – Lei nº 8.883, de 17 de dezembro de 2018, que proíbe informes de qualquer natureza em estacionamentos ou similares com dizeres que isentem estabelecimentos comerciais, supermercados, shoppings ou congêneres da responsabilidade por danos materiais e/ou objetos deixados no interior do veículo, no Município de Campos dos Goytacazes e dá outras providências. • 12 – Lei nº 8.904, de 09 de maio de 2019, que dispõe sobre a obrigatoriedade dos estabelecimentos comerciais e financeiros no âmbito do Município de Campos dos Goytacazes oferecer atendimento diferenciado para pessoas com deficiência auditiva e dá outras providências. • 13 – Lei nº 8.945, de 24 de outubro de 2019, que institui a Semana de Conscientização e Prevenção à Alienação Parental e dá outras providências.